Arquivo da Categoria ‘Praia Brava’

Ressaca na Praia Brava

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Super atrasado, pra variar, tirei algumas fotos da ressaca, ou melhor, do resultado das sucessivas ressacas ocorridas ultimamente na Praia Brava, que demonstram claramente o quanto o mar avançou na última década. A primeira grande ressaca ocorreu no inverno de 1997.

Abaixo estão duas fotos que tirei de uma forte ressaca que ocorreu no inverno de 2001, para um trabalho da faculdade:

Ressacas na Praia Brava - 01-06-2001 - Antigo bar à saída da Carlos Drumond

Ressacas na Praia Brava – 01-06-2001 – Antigo bar à saída da Carlos Drumond

Ressacas na Praia Brava - 01-06-2001 - Onde era o antigo Tribus Bar

Ressacas na Praia Brava – 01-06-2001 – Onde era o antigo Tribus Bar

Já na foto abaixo, você percebe  forte erosão recente, dada a altura das dunas:

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Erosão

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Erosão

Abaixo, o tubo de esgotamento comumente utilizado pelos bares à beira-mar, de um antigo bar instalado aqui neste local:

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Tubo de antigo bar à beira da praia

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Tubo de antigo bar à beira da praia

Abaixo, você percebe o aterro realizado com terra vermelha há vários anos.

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Terra vermelha à beira mar?

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Terra vermelha à beira mar?

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Esse ´tá esperando a vez dele

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Esse ´tá esperando a vez dele

Aqui, o mais interessante. A fundação de um antigo posto de salva-vidas que funcionou aproximadamente entre os anos de 1995/6 até 2001/2. Observe que na época, do “salva-vidas” até a praia, iam mais uns 20 metros ou mais de faixa de areia à frente. Já era…

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Antigo Posto de salva-vidas

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Antigo Posto de salva-vidas

Agora, abaixo você observa que o mar não só alcançou o espaço onde antes era a rua (com o posto de salva-vidas), como avançou uns 4 metros a mais na vegetação nos últimos dois meses.

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Antigo posto de salva-vidas

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Antigo posto de salva-vidas

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Antigo posto de salva-vidas

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Antigo posto de salva-vidas

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Antigo posto de salva-vidas

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Antigo posto de salva-vidas

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Antigo posto de salva-vidas

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Antigo posto de salva-vidas

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Pedra sendo coberta pela areia

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Pedra sendo coberta pela areia

Diz-se que a Praia Brava é um lugar onde antigamente se localizava um imenso banhado. Chegaram aterrando tudo, sem estudo e sem planejamento (que novidade) e hoje o bairro sofre com as consequências provocadas pela drenagem pluvial inadequada.

Abaixo, mais uma das tantas e fortes erosões provocadas pelas fortes e sequenciais chuvas dos últimos anos:

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Erosão promovida pela enxurrada

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Erosão promovida pela enxurrada

Os barões da grana ainda pensam que a vegetação de restinga não passa de “mato”. Pois abaixo percebe-se nitidamente que onde há menos vegetação, o mar VEM COM TUDO, como diria Regina Casé:

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Antiga passarela

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Antiga passarela

Ressaca na Praia Brava Itajaí - A mesma passarela (ou o que restou dela)

Ressaca na Praia Brava Itajaí – A mesma passarela (ou o que restou dela)

Ressaca na Praia Brava Itajaí - Aos céticos, acreditem, sem a vegetação, seria pior

Ressaca na Praia Brava Itajaí – Aos céticos, acreditem, sem a vegetação, seria pior

Enfim, depois da tempestade, a bonança, e as lições que os homens não querem aprender:

Ressaca na Praia Brava - Depois da tempestade, digo, da ressaca, vem a calmaria

Ressaca na Praia Brava – Depois da tempestade, digo, da ressaca, vem a calmaria

Ronaud Pereira

Menos…

domingo, 16 de maio de 2010

O rapaz comentou, nesta notícia (a página foi removida), assim:

“O charme da praia (Brava) estava no chão batido…”

Acho que ele exagerou…

Os mistérios da arte de pavimentar

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Olha, eu procuro ser positivo e reagir compreensivamente a tudo o possível. Não gosto de dar palpite no serviço alheio ( a não ser como consumidor, e olhe lá! ) e não gosto de quem critica quem está fazendo algo.

Estou me referindo ao serviço de pavimentação da Praia Brava, que já está se tornando lenda urbana. A “coisa” até que está saindo – a passos de… bem vejamos qual o animal mais lento? a tartaruga ou o bicho-preguiça? Ok vamos ficar com a preguiça… enfim, a pavimentação da Praia Brava está saindo, a passos de preguiça (o bicho) e devemos todos ser compreensíveis com os transtornos, ok? Ok…

Porém, algo que não entendo é essa coisa de voltar a cavar nos trechos da Carlos Drumond de Andrade que já foram pavimentados COM ASFALTO. E o pior é que não se explica o porquê nem ninguém se responsabiliza pelo erro BRUTAL de se necessitar cavar novamente num trecho já finalizado. Agora tá lá a “narquia” como diria meu pai.

Quem é que está se responsabilizando por esses erros crassos de engenharia? Foi o que? Esqueceram “o martelo” debaixo do asfalto e agora ‘tão procurando por ele? O martelo é o que, de ouro? Estou brincando com essa história de martelo mas alguém me explica para quê serve o tal de PROJETO? Não é para se evitar transtornos e prejuízos, bem como para primordialmente evitar “refazimento” de etapas e ganhar tempo? Pois é…

É chato falar de incompetência ou pior ainda de falar em “re – faturamente” quando não se está, como eu, por dentro da obra. Mas tá lá, alguém lucrou e o povo vai ter que pagar por aquela “recavação” toda… Um mínimo de explicação a comunidade merecia!

Agora tá ali a obra que nem foi inaugurada, sequer acabada, e já está toda remendada! O povo da Praia Brava deve se benzer…

Ronaud Pereira

Enfim…

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Olá, eu sou o Ronaud, e minha atuação profissional atualmente gira em torno da criação de conteúdo para sites próprios rentabilizados através de publicidade online.

Como morador da polêmica Praia Brava desde 1991, acompanhei boa parte de seu lento desenvolvimento, sempre como expectador (até porque em 91 eu tinha 10 anos ;-) ). Com a conveniência da minha atividade profissional, em 09/2008 decidi criar um espaço na web para colocar algumas informações sobre a Praia Brava. E desde então o praiabrava.info vem disponibilizando algum material mais concentrada sobre este contagiante lugar, já que havia poucas e esparsas informações sobre a Brava pela internet.

Costumo acompanhar o site do Aderbal Machado e também de outros blogueiros de Itajaí como o Rômulo Mafra, o Magru. Volta e meia vejo-os comentando sobre a Praia Brava e me faltava um espaço para poder também dar os meus pitacos. Até tenho o egocêntrico RONAUD.com mas lá não é lugar para as picuinhas regionais ;-). Então decidi adaptar um blog neste site para poder expressar minhas opiniões bem como considerações sobre o que me chama a atenção em relação à Praia Brava.

E aqui está. Vou escrever aqui sem qualquer compromisso, e lembrando sempre que são apenas as minhas opiniões. Sinta-se a vontade para comentar ou mesmo para enviar suas informações ou divulgar seus eventos, sempre relacionados à Praia Brava e região.

As crianças e seus brinquedos. Os homens e suas opiniões. Heráclito

Veja também: Breve histórico sobre a Praia Brava de Itajaí.

Copyright 2008 - 2020 PraiaBrava.info - Itapema - Litoral do Paraná - Frases Engraçadas - Kitnet em Itajaí